Buscar

Suspeito de agredir e ameaçar vítimas em terminal é preso em MS

Homem foi flagrado nesta segunda (29), após ameaçar adolescente.Vítima disse que crime ocorreu após ela negar dinheiro.

A Guarda Municipal prendeu nesta segunda-feira (29), no Terminal Morenão, em Campo Grande, o homem de 32 anos suspeito de agredir e ameaçar a jovem Ingrid Matzembacher, de 21 anos. Por volta das 10h (de MS), ele cometeu o mesmo crime com uma adolescente de 15 anos e foi levado para a delegacia.

Ao G1 o guarda municipal Éderson Mareco explicou que o suspeito entrou novamente no local e abordou a adolescente na lanchonete. A vítima disse que foi xingada, agredida e ameaçada pelo suspeito, ao negar dinheiro.

Populares acionaram a guarda e o homem foi levado para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Piratininga. Em seguida, pelo fato da vítima ser uma adolescente, ele foi levado para a Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

Eu fui chamada na delegacia para fazer o reconhecimento, mas vi que a adolescente postou foto e até gravou um vídeo da prisão do suspeito. Pelas imagens, já reconheci que é a mesma pessoa, mas estou indo para a delegacia agora, comentou a estudante de administração Ingrid Matzembacher.

Entenda o casoNo dia 23 de fevereiro, a estudante gravou um vídeo dizendo que foi agredida e ameçada pelo suspeito. Em tom de desabafo, ela ainda comentou sobre a falta de segurança nos terminais da cidade.

Em nota enviada ao G1, a prefeitura da capital sul-mato-grossense informou que a segurança nos terminais é feita pela Guarda Municipal, com dois guardas fixos e rondas com viaturas. Ao G1, a Polícia Militar (PM) informou que faz “policiamento ostensivo-preventivo nos locais públicos e, por conseguinte, são realizadas rondas, inclusive, nas imediações de terminais rodoviários”.

Ingrid afirmou ao G1 que o fato ocorreu por volta das 10h30 (de MS) quando voltava da faculdade. “Eu estava esperando o ônibus e um homem chegou pedindo dinheiro. Naquele momento, eu estava sem a carteira, pois tinha ido até a faculdade somente e realmente não tinha. Ele começou a me xingar na frente de todo mundo e ninguém fez nada. O homem falava que não estava roubando e me perseguiu enquanto eu corria”, comentou a estudante.

Ainda assustada, a estudante contou que o homem estaria sob efeito de drogas. “Estava nítido como ele estava estranho, com a bermuda aberta e falando a todo momento palavras de baixo calão. Nós sabemos que ali próximo existe um ponto de venda de drogas e eu fico indignada porque nós pagamos R$ 6,50 de passagem enquanto essas pessoas entram lá sem problema algum”, afirmou.

Logo após o fato, a estudante disse que acionou a Polícia Militar (PM). Nestes casos, o suspeito pode responder por ato libidinoso, importunação ofensiva ao pudor, tentativa de roubo e outros crimes, por exemplo. “Todos os dias são assim e, de vez em quando, tem um guarda municipal. Assim que postei o vídeo, vi que muitas mulheres passam por problemas do tipo”, lamentou.

Jovem postou vídeo de desabafo na internet (Foto: Reprodução Facebook)

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.