Buscar

Por conta das estradas, produção de mais de 10 mil litros de leite fica comprometida em Sidrolândia

Laticínio encontra dificuldades para sair da indústria e efetuar coleta de leite nos Assentamentos de Sidrolândia (10 mil litros de leite ficam comprometidos)

As fortes chuvas começam a deixar um rastro de prejuízo nas estradas rurais do município de Sidrolândia, principalmente para os moradores que ocupam a estradas vicinais que ligam aos assentamentos.

Caso real e verdadeiro constatado pelo site SidrolandiaNews, onde o Laticínio Tradicional que fica localizado na BR 060 no Km 43, logo após a estação do Bolicho Seco sentido Campo Grande, tem a estrada que liga da Rodovia a indústria , cerca de 7 km, que estão intransitáveis, e o caminhão da empresa não consegue utilizar esta via, deixando de recolher a produção de leite destes assentamentos.

Segundo o que foi apurado, as estradas dos assentamentos citados,  até que sofreram algumas melhoras, mas o problema é este trecho de 7km que liga a indústria até a rodovia BR 060.

Secretario Antonio Galdino, foi procurado pela reportagem do SidrolandiaNews durante toda o dia de ontem, também entramos em contato com o Presidente do PDT o Vereador Waldemar Acosta, (pasta da Secretaria de Obras que pertence ao PDT), que se prontificou a dar um parecer a empresa, mas até a manha de hoje,(24) ninguém havia ligado para tonar conhecimento deste grave problema junto ao Laticínio.

Instalado no município de Sidrolândia a 19 anos, a empresa coleta leite em diversos assentamentos (Santa Terezinha, Santa Lúcia, Eldorado, Alambari, Jiboia, Che Guevara e mais algumas propriedades rurais, num total de aproximadamente 10.000 lts diários, e essa produção é vendida em Sidrolândia e Campo Grande.

Este problema esta comprometendo a produção da empresa e principalmente os produtores que muitas vezes tem que jogar o leite fora, acabando interferindo em sua renda e estrutura familiar.

Na manhã desta quarta feira(24) o Secretario Antonio Galdino, entrou em contato com o site SidrolandiaNews, e explicou que durante todo o dia de ontem, estava envolvido em uma área rural, onde uma ponte havia caído, mas que assim que a chuva amenizar, estará sim dando total atenção a este caso, já o Vereador Waldemar Acosta,  disse que não ligou para dar um parecer, porque não tinha nenhuma posição concreta do fato.

“Sidrolândia tem uma extensão rural muito grande, estamos dia a dia empenhados nas áreas mais afetadas, mas com certeza este trecho que liga a indústria será dada uma atenção especial, assim que possível estaremos deslocando maquinários” disse o secretário nesta manhã de quarta feira por telefone.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.